6 de nov de 2012

Cupcake de Coco com Doce de Leite!

Antes de viajar recebi uma encomenda de cupcake que harmonizasse com um almoço de comida baiana... pensei em tapioca... em coco... em doce de leite... em banana. Mas a escolha final foi coco com doce de leite. Um sabor mais regional, né?! Vamos a ele!


O sabor do bolo é baunilha mesmo... o de sempre. A diferença aqui é que assim que ele saiu do forno eu fiz uns furinhos bem pequenos com um garfo (ou palito de dente mesmo) e molhei com uma calda na proporção de 50% leite condensado 50% leite de coco. O leite de coco que eu usei foi fresco tá?! Mas podem usar industrializado mesmo, o que você mais gosta. ;)

Reguei duas vezes com essa caldinha. Depois que esfriou (clarooooo!) recheei com o velho e bom beijinho (leite condesado + coco ralado) em ponto de colher.

A cobertura foi de doce de leite com um pouco de coco ralado. Sobre isso eu preciso fazer algumas observações!

Já me perguntaram algumas vezes como eu consigo fazer a famosa "voltinha" de doce de leite no cupcake, já que a maioria desses doces não são duros o suficiente para o ponto do bico de confeitar. Vamos explicar! Alguns doces de leite por aí, os em pontos de corte, dá pra fazer a voltinha sim... tranquilamente. Mas se tem uma determinada marca que você adora mas é muito pastoso e não dá pra usar como cobertura, experimenta levá-lo ao fogo novamente.

Deixa eu "expricar" melhor:

Em uma panela, coloca o doce de leite e um pouco de creme de leite de caixinha. A proporção que eu uso é para cada 200 g de doce de leite, 100 g de creme de leite, mas isso vai de gosto, ok?! Eu gosto de "diluir" o doce de leite no creme de leite, porque eu acho que ele puro é bem enjoativo, mas se você é daquelas fanáticas por doce de leite, leva ele ao fogo sem nada mesmo.

Vai mexendo até desgrudar do fundo da panela, como se fosse um brigadeiro. Espera esfriar e pronto... coloca no bico e se joga... simples assim!

Como eu falei lá em cima, a cobertura desse cupcake levou coco ralado. Eu não gosto de pegar o coco e só misturar na cobertura. Eu sempre o levo ao fogo junto com a cobertura, no caso, o doce de leite e o creme de leite. Por se tratar de um produto fresco e perecível, acho que o contato do coco com o açucar do doce de leite faz com que o risco dele estregar seja infinitamente menor, né?! Hahaha! Eu e minhas teorias...

Pra fazer a voltinha usei um bico mais aberto já que o coco ralado é campeão de entupidor de bicos. Então usa um tipo perlê ou uma pitanga aberta, por exemplo, ok?!

Pra decorar fiz um mini beijinho, coberto com coco desidratado, que para mim só presta pra decorar mesmo... rs (tadinho!). Dá uma polvilhada com esse mesmo coco desidratado e pronto, cai matando! ;)

Sim... eu sei que eu tenho que aprender a tirar fotos durante todo o processo... pra poder ilustrar melhor os posts... mas gente, quem me conhece sabe, a paciência é um recurso limitado... hahaha! Mas vou tentar, tá?! Juro que vou! rs

Qualquer dúvida é só gritar! ;)

5 comentários:

  1. Ge, deixe de modesta, vc estudou gastronomia pra que e tem conhecimento bastante. Este cupcake deve ser maravilhoso, como todos que vc faz. Bjs. Le.

    ResponderExcluir
  2. huuummmmm....eu quero, mande via sedex tá???? kkkkkkk
    Lu

    ResponderExcluir
  3. Olá Germanda, parabéns pelo blog, eu amei. Gostaria de saber sobre a cobertura de doce de leite: você disse que pra não ficar muito doce você adiciona creme de leite e leva ao fogo, é preciso ser creme de leite fresco? Ou pode ser o de caixinha? Obrigada!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Josi! Que bom que gostou do blog! :)
      Pode ser creme de leite de caixinha mesmo, sem problemas!
      Beijos!

      Excluir